Bem-vindo!
 
InícioInício  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  

Compartilhe
 

 Doce delícia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Admin
Admin
Admin

Mensagens : 502
Data de inscrição : 28/02/2014

Doce delícia  Empty
MensagemAssunto: Doce delícia    Doce delícia  EmptySex Ago 23, 2019 10:27 pm

Título: Doce delícia
Autor: strawberriesapples
Shipper: Egon/Janine
Gênero: PWP =P
Censura/Classificação: M
Capítulos: 3
Resumo ou uma promo: Janine tem uma deliciosa surpresa com a visita de seu amado Caça-fantasmas...




Era sexta à noite e Janine Melnitz estava em sua cozinha, bancando a confeiteira.  Ela não tinha nada para fazer e não estava a fim de sair. Só queria ver uma comédia romântica bobinha na TV enquanto degustava de uma boa guloseima.
Ela tinha decidido fazer marshmallow.  Era prático e fácil e ela estava doida para comer um doce.
Ela iria encher a cara de biscoitos mergulhados no marshmallow até ficar com dor de barriga. Mas ia dormir satisfeita.
Ela estava batendo o doce na batedeira quando a campainha tocou.
Deixando a batedeira em cima da pia, ela correu para atender a porta.
Ela sorriu de orelha a orelha quando viu quem era.
- EGON!
- Boa noite, Janine!
- Entra, por favor!
- Obrigado. Atrapalho?
- Nunca! – Ela deu-lhe um beijinho.
Eles haviam finalmente declarado-se um para o outro e tinham começado um relacionamento há poucos meses.
Egon era um homem muito ocupado, por isso ela sempre se espantava quando ele aparecia no apartamento dela.
- O que você está fazendo? – perguntou ele, enquanto eles se dirigiam para a cozinha.
- Um doce! Deu vontade!
- Hummm... qual? Marshmallow? – disse Egon, olhando para a tigela com uma mistura branca e espessa.
- Sim!
- Posso provar?
- Claro!
- Tem uma colher?
- Ah, puxa, estão todas aí! – Janine mostrou a ele a pia cheia de colheres sujas.
- Ah. Com licença, então.
Ele simplesmente lavou as mãos e pegou um pouco da massa com o dedo indicador.
- Humm... – disse ele, depois de enfiar o dedo na boca e lamber o resto – está gostoso!
Janine observou a cena toda com a boca aberta. Tinha sido uma das coisas mais sexy que ela tinha visto na vida. E foi tão espontâneo! Até pueril! E muito não-Egon! Isso tinha deixado-a insana de desejo!
E ainda tinha um restinho de marshmallow no canto da boca dele!
- Egon... tem... ahn...
- O que? – perguntou ele, lambendo os lábios.
- Um pouquinho de... hã... deixa que eu tiro pra você...
Ela não resistiu e lambeu o canto da boca dele.
Olhando no fundo dos olhos dele, ela o beijou, um beijo apaixonado e exigente. Ele a beijou de volta.
- Ahh... – expirou ele, depois do enorme beijo – Janine, o que-
- Shhh! – ela pediu, e o beijou de novo, passando as mãos pelos cabelos dele.
- Alguém está muito... romântica hoje, não?
- Quem mandou você ser absurdamente delicioso, doutor Spengler?
Ele sorriu com os elogios nada discretos dela.
- Aliás... quer brincar? – perguntou ela num tom malicioso, olhando para a tigela de marshmallow.
Ele acompanhou o olhar dela e levantou levemente a sobrancelha esquerda, um sorrisinho maroto se formando em seu rosto.
Ele se virou para ela, ainda sorrindo. Ela ofegou, pegou a tigela da batedeira e o puxou pela mão para seu quarto.
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://jfics.forumeiros.com
Admin
Admin
Admin

Mensagens : 502
Data de inscrição : 28/02/2014

Doce delícia  Empty
MensagemAssunto: Re: Doce delícia    Doce delícia  EmptySex Ago 23, 2019 10:29 pm

2


Ela pôs a tigela em cima de sua penteadeira e beijou seu amado Caça-fantasmas mais uma vez. Ele retornou o beijo, acariciando-a.
Janine foi direto para as calças dele, desabotoando-as. Ele arrancou dela logo o vestido de malha.
- Meu Deus do Céu!
- O que foi?
- Só você pra me fazer ficar molhada em segundos...
Ele deu uma risadinha e a beijou ternamente.
E arrancou dela o sutiã, depois de ter desenganchado-o.
Beijando o pescoço dela, ele apertou os seios de leve, fazendo-a gemer.
- Mm...
Ele acariciou o tronco dela, com carinho, até chegar em seu traseiro, apertando.
- Uh! Haha!
Ela resolveu imitá-lo, mordendo o lábio inferior. Ele sorriu.
E ela levou as mãos para frente da cueca, apertando também.
- Ahh... – gemeu ele, baixo.
- Ohhh, doutor Spengler... eu mal posso esperar para sentir esse seu tamanho todo dentro de mim...
Essa declaração dela o fez ficar ainda mais excitado. Ele a beijou profundamente, pegando a tigela de marshmallow e jogando-a na cama.
- Ahhh! Haha!
Ele fez o mesmo que tinha feito na cozinha, com o indicador e o dedo do meio: pegou um pouco do doce e chupou os dedos, lambendo-os depois.
- Mm... muito bom...
Janine ofegava de tanta excitação. Egon Spengler era um homem discreto e sério. Mas extremamente sedutor quando queria.
- Pode ficar ainda melhor... – ele disse, olhando nos olhos dela.
- Como?
- Mm... assim...
Ele pegou mais um pouco do marshmallow e espalhou nos seios dela. Janine ofegou.
Egon atacou logo os seios de sua secretária com a língua, deleitando-se com o gosto do marshmallow com a pele alva dela.
- Ohhh! – Janine gemeu.
- Mmm...
Ele passava a língua pelos mamilos duros, sugava-os. Sua excitação só aumentava.
Pegando mais um pouco da mistura branca, ele espalhou no resto do tronco dela, lambendo logo depois.
- Ahh... Oh...
Ele arrancou a calcinha dela e sorriu um sorriso preguiçosamente maroto.
- Ahh... você... não... vai...
Ele logo entendeu o que ela estava querendo dizer.
- Não. Eu quero sentir o seu gosto puro...
- OH!!! - ela gemeu, sentindo a língua dele em suas encharcadas partes íntimas – Isso!...
- Se eu te disser que você é bem mais apetitosa que o marshmallow, você acredita em mim? – disse ele, ofegante.
- Ohhh, Egonnn!!! – ela gemeu alto assim que ele encontrou seu clitóris e começou a sugá-lo incessantemente.
Ela logo chegou ao clímax, extasiada.
- Oh, Janine... - ele começou, voltando-se para o pescoço dela – você é maravilhosa!...
- Egonn... você é que é demais!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://jfics.forumeiros.com
Admin
Admin
Admin

Mensagens : 502
Data de inscrição : 28/02/2014

Doce delícia  Empty
MensagemAssunto: Re: Doce delícia    Doce delícia  EmptySex Ago 23, 2019 10:30 pm

3


Ela, com um movimento rápido, colocou-o na cama, subindo em cima dele.
- Mm... minha vez! – disse ela.
Ela pegou a tigela de marshmallow, e entornou um pouco no tronco musculoso dele. Ele sorria tolamente.
Ela espalhou a mistura com as mãos e levou logo a língua para seu peitoral.
Egon inalou com os dentes.
Ele olhou para a mão de Janine lambuzada com o doce branco e a levou à boca, chupando-lhe os dedos.
- Ohh!! – gemeu ela. Ele sorriu.
Janine continuou descendo pelo tronco de seu amante, parando debaixo do umbigo. Ela deu-lhe um olhar malicioso e passou a beijar o massivo volume logo abaixo.
- Oh... – gemeu ele.
Depois de vários beijos naquele local, ela puxou a cueca cor de chumbo para baixo, fazendo seu excitado membro saltar.
Ela o agarrou com as duas mãos (o que fez Egon ofegar) e lambeu a ponta.
Ainda com o sorrisinho nos lábios, ela pegou mais uma porção de marshmallow e lambuzou-o rapidamente, envolvendo-o com a boca logo em seguida.
- Ohhhh!
Janine sorriu e continuou suas ministrações, lambendo e sugando com afinco, retirando todo o marshmallow que ela havia espalhado ali.
- Ahhh! Caramba!!
Janine agora sugava com vontade, deixando seus dentes arranharem o comprimento dele.
- Ahhh! JANINE!
Ela o sentiu ejacular um pouco e retirou seu membro de sua boca. Ele logo encharcou seu baixo ventre.
- Oh... Nossa...
Ela subiu pelo tronco dele novamente, do mesmo jeito que havia descido, com a boca e a língua.
Ela olhou para ele (que sorria largamente), lambeu os lábios e o beijou intensamente, sugando-lhe o lábio inferior.
Ele a depositou na cama, e sem parar de beijá-la, a penetrou, profundamente.
- Mmm! – gemeu ela.
Interrompendo o beijo, ele exalou alto.
- Ahhh!
- Oh...
- Céus, você é gostoso demais!
Ele riu.
- Não ria, doutor Spengler... eu –AHH! – não sei como eu agüento – NNGH! – esse seu equipamento enorme!
Ele riu mais.
- Nngh! AH! Janine!!!
- Eu também sei jogar esse jogo, doutor Spengler...
Ela tinha contraído os músculos de suas partes íntimas em volta do longo membro dele e isso o fez ir à loucura.
Egon passou a penetrá-la com mais força e velocidade, enquanto sentia seu orgasmo se aproximando.
Janine também estava indo à loucura. O homem era bom demais. Em tudo o que fazia. Fosse no trabalho, nos estudos ou na cama.
- Ahhh, Egon!!!
- Ohh!
Eles chegaram ao clímax juntos. Exaustos, mas satisfeitos.
- Uou...
- Ufa!...
- Eu devo parabenizá-la esfuziantemente, Janine...
- Por que?
- Porque você obteve enorme sucesso na sua nova tática...
- Hahaha! Então você gostou da brincadeira!...
- Demais.
Ela deu uma risadinha, aconchegando-se nos braços de seu amado cientista.
 

FIM
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://jfics.forumeiros.com
Conteúdo patrocinado




Doce delícia  Empty
MensagemAssunto: Re: Doce delícia    Doce delícia  Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Doce delícia
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
J-fics :: Os Caça-fantasmas :: The real Ghostbusters-
Ir para: